Projecto Florestal Comunitário de Rio de Mel

Há projectos que nos atraem à primeira vista, como é o caso desta iniciativa que se pretende alavancar numa aldeia nas encostas sul da Serra da Estrela, seja pelo que se pretende a nivel social, económico ou ecológico; ou melhor, pelo facto de se pretender tudo isso, a chamada regeneração integral.

Desafiados por um pequeno colectivo de habitantes e amigos da aldeia, concebemos um plano geral para a aldeia e as terras envolventes, de forma a conciliar as diferentes actividades chave da região. Como ainda se trata de um pré estudo, e não tivémos acesso a cartografia topográfica actualizada, o trabalho foi feito com cartas militares.

Este projecto tenta demonstrar a nossa visão no que seria uma aldeia viva, saudável, produtiva e segura, um local onde as actividades humanas têm impactos positivos, pois tudo assenta numa “moldura” de hidratação da paisagem, onde as estradas e acessos são mais uma ferramenta na captura de água, onde os poligonos de gestão florestal são abraçados por faixas de folhosas, onde há áreas florestais de protecção da biodiversidade, que fazem sentido, e têm continuidade.

Muitas das produções e oficios que se foram perdendo, podem ser revitalizados através de projectos assim, que integrem de forma holistica humanos e natureza, porque no final do dia, somos um.

TIPOLOGIA:Planeamento Estrutural
Local: Rio de Mel, Oliveira do Hospital, Coimbra
Cliente: Comunitário
Data: 2018
Extensão: cerca de 700Ha

CARACTERIZAÇÃO DO LOCAL

Este território de cerca de aproximadamente 700Ha insere-se nas encosta sul da Serra da Estrela, zona muito fustigada frequentemente pelos incêndios florestais, nomeadamente no dia 15 de Outubro de 2017.

É uma região montanhosa, com declives acentuados, e que tem vindo sistematicamente a perder as suas florestas diversas, para as monoculturas de pinheiro e eucalipto, e para os incêndios florestais. Devido á desflorestação, os solos têm sido permanentemente perdidos encostas abaixo, e a água da chuva tem cada vez menos condições para infiltrar e desta forma alimentar nascentes e minas de água. Passa por aqui, a ribeira de Rio de Mel, cuja bacia hidrográfica inicia-se a montante da aldeia, sendo esta bacia totalmente abrangida pelo projecto.

Rio de Mel é também uma aldeia envelhecida, e para os jovens, há poucas oportunidades localmente, que não seja a trabalhar na industria da madeira.

OBJECTIVOS DO PLANEAMENTO

  • Protecção da aldeia e das zonas produtivas como hortas e pomares, face aos incêndios;
  • Protecção das manchas de floresta e zonas húmidas; salvaguarda da biodiversidade;
  • Mitigação da erosão e hidratação da paisagem;
  • Criação de reservas de água, melhoria da situação hidrica;
  • Criação de uma matriz estrutural que possibilite acessos sem manutenção e erosão;
  • Fomentar a floresta diversa, a fertilidade dos solos e a infiltração de água nos solos;
  • Valorização dos recursos locais e empreendorismo ecológico;

Link para um video de demonstração do projecto, aqui: https://tinyurl.com/yakurkwg

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo